A necessidade de eficiência energética

Nos últimos anos, projetos para melhorias da eficiência energética têm sido discutidos, considerando que este é o meio mais econômico, eficaz e rápido para minimizar impactos ambientais acarretados pela utilização da energia e reduzir emissões de gases poluentes.

Em 2010, o Ministério de Minas e Energia desenvolveu um plano nacional voltado para este tema, que estabeleceu projeções do potencial de conservação e aproveitamento de energia elétrica, regulamentações e programas de eficiência energética para setores da indústria e empresariais.

Segundo pesquisas da empresa americana Johnson Controls, os empresários parecem bem empolgados com o plano deste mercado no Brasil, já que 55% dos líderes de negócios estão prestando mais atenção ao tema; 57% deles responderam que o gerenciamento de energia é extremamente ou muito importante; 47% buscam certificação; 41% planejam incorporar elementos verdes sem certificação; 54% acham que haverá obrigatoriedade de eficiência energética em legislação até 2012.

O aproveitamento de energia vai além dos usos mercadológicos, chegando aos ambientes domiciliares. Muitos moradores preocupados com sustentabilidade investem em tecnologias como iluminação elétrica e ar condicionado controlados à distância, aproveitamento dos espaços para manter o ambiente iluminado e fresco por mais tempo, entre outras medidas. Com estas pequenas mudanças e o uso inteligente dos equipamentos que são necessários para a casa, algumas residências conseguem reduzir até 90% o consumo de energia exigido normalmente por uma habitação.

E você, sabe como aplicar a eficiência energética em seu domicílio? Veja o vídeo abaixo e descubra!

Fontes: Gazeta do Povo, Portal Engenharia e Arquitetura.

Tudo a ver:

Sistemas Fotovoltaicos Conectados à Rede Elétrica, de Marcos André Barros Galhardo, Roberto Zilles, Sérgio Henrique Ferreira de Oliveira e Wilson Negrão Macêdo, apresenta uma visão global das principais características técnicas e operacionais dos SFCR, configurações e cálculos para o seu dimensionamento, e exemplos de sistemas instalados no País e seus resultados operacionais. Traz ainda diagramas indicativos de percentagem de captação anual de irradiação solar das principais cidades sul-americanas, incluindo todas as capitais dos Estados brasileiros.

Circuitos de Corrente Alternada, dos autores Gilmar Barreto, Carlos Alberto de Castro Junior, Carlos Alberto de Favarin Murari e Fujio Sato, apresenta os tópicos fundamentais da teoria nesta área, como medição de grandezas elétricas; formas de onda; características elétricas de resistores, indutores e capacitores; circuitos trifásicos; transformadores; motores; potência em circuitos; instalações elétricas e segurança. Além da parte teórica, a obra apresenta problemas resolvidos, exercícios propostos, leituras recomendadas e vídeos que mostram a teoria na prática. Reunindo em um único volume tópicos normalmente encontrados em vários livros, a obra fornece uma referência básica para estudantes de Engenharia Elétrica, Mecânica e Civil, assim como alunos de colégios técnicos e cursos de Eletrotécnica, entre outros.

Deixe sua opinião!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *